O Que Considerar Antes de Financiar um Veículo

Como diz o ditado a pressa é inimiga da perfeição. Mas não é só por ansiedade que acabamos fazendo um financiamento que acaba nos trazendo problemas. Muitas vezes quem vai financiar um veículo deixa de verificar alguns pontos muito importantes e que fazem a diferença depois de algum tempo. Se estiver pensando em financiar um veículo confira nossas dicas do que considerar antes de fechar negócio.

Modelo do Veículo

Vamos considerar que já fez uma pesquisa e decidiu o modelo que deseja financiar. Nenhum modelo tem garantias de facilidade na hora de repassar ou vender, pela instabilidade do mercado de veículos e até pela forma como cuida do mesmo. Neste caso o mais importante é pensar na manutenção, olhando oficinas, peças e outros cuidados necessários. Inclusive o tipo de combustível e o consumo médio.

Financiar um Veículo

Novo ou Usado?

Já deve ter ouvido a expressão “carros velhos, problemas novos”. De certa forma faz sentido, mas não podemos considerar uma regra. Claro que se todos pudessem comprariam uma moto ou carro zero, pois na teoria a possibilidade de problemas e necessidade de manutenções é menor. Porém, todo veículo depois de algum tempo necessita de revisões, troca de óleo e peças.

Para comprar um veículo novo ou usado deve estar ciente de sua situação financeira e quanto consegue bancar por conta do veículo, tirando o restante de suas despesas mensais. Principalmente no caso de comprar um seminovo ou usado, pois deve estar preparado para eventualidades e manutenções que não são previstas na compra.

Sua Renda e Estabilidade Financeira

Claro que ser o primeiro dono de um veículo é o desejo de todos. Porém, leve em consideração sua estabilidade financeira atual. Isto é importante, pois assim que receber as chaves do veículo o mesmo começa a desvalorizar. Se passar por problemas na sua empresa e acabar perdendo o emprego, deve estar pronto para arcar por um tempo até que consiga um novo emprego. Isto diminui o risco de ter que vender o veículo bem mais barato por urgência.

Conseguirá Fazer o Seguro do Veículo?

Este é aquele item que ninguém deseja ter que utilizar, mas é muito importante saber quanto terá que pagar de seguro, franquia e outros gastos relacionados. Muitos acabam comprando carros seminovos para conseguir arcar com as despesas do seguro. Esta é uma ótima opção e deve ser considerada sempre, principalmente se não se sente seguro!

Calcular um Financiamento

Tipo de Financiamento

Tudo certo, já está com a proposta em mãos e por dentro de sua situação pessoal. Então é hora de analisar o financiamento em si, conferindo suas taxas e cláusulas. Já falamos de estabilidade então se estiver pensando em fazer um financiamento a perder de vista leve em consideração não apenas a sua capacidade de pagar, mas também um possível desejo de adquirir outros bens futuramente, como um imóvel, por exemplo.

Procedência do Vendedor e as Garantias Oferecidas

É recomendada a avaliação de um mecânico antes de comprar um veículo, claro. Só que muitos deixam de conferir as procedências e referências de quem está vendendo. Independente se estiver comprando numa revenda de veículos ou de alguém que está vendendo como particular deve checar o máximo de dados possíveis para não ter problemas futuros. Revendas costumam oferecer garantias, não deixe de listar todas e conferir se está registrado na documentação de compra.

Quanto Tempo se Imagina com o Veículo

Dificilmente compramos um veículo sabendo quando iremos trocar ou vender. Inicialmente a ideia é ficar com o mesmo até o final do financiamento. Só que uma possível desvalorização pode nos fazer mudar de ideia. Então é preciso pensar quantos anos o veículo possui e quanto calcula que irá usar antes de desfazer do mesmo para correr um risco menor.

Gastos Extras por conta do Veículo

É provável que nunca pensou nestes gastos antes!

Quando compramos um veículo só temos em mente o conforto que iremos ter. Porém, isto possui um gasto que às vezes nem imaginamos. Por exemplo, está com vontade de fazer um lanche antes de ir para casa, mas não encontra nenhuma lanchonete no local onde está. Então você vai para casa com fome, com a ideia de preparar algo lá. Se estivesse motorizado bastaria parar num local no caminho de casa para lanchar e depois seguir!

A situação do exemplo acima é até de probabilidade baixa. Mas lembra quando falamos do conforto? Então, como está com seu veículo próprio (e é para isso mesmo) você dificilmente irá recusar convites dos amigos e acabará gastando mais por conta disso. Claro que deve avaliar se o programa vale a pena antes, considerando o seu custo.

É isso! Deixamos claro que o Blog Carros e Motos não tem intenção de desanimar quem vai financiar um veículo. Apenas queremos ajudar para que não tenha problemas futuros e não acabe tendo que vender um veículo que ainda está financiado ou acabe fazendo uma entrega amigável por ficar sem condições de pagar.

O Que Considerar Antes de Financiar um Veículo

4 (80%) 1 voto



Recomendamos para você


Como Proteger Seu Veículo do Sol
O sonho de muitos motoristas é ter uma garagem coberta para seu veículo, principalmente aqueles que tratam o carro ou moto como um xodó. Mas nem sempr...


Vale a Pena Comprar uma Moto Quando se Tem Carro?
O trânsito cada vez pior em cidades como Belo Horizonte faz com que pessoas que têm carro pensem em também ter uma moto. Diminuir o tempo de deslocaçã...


Diferença de Freios ABS e Freios Convencionais
Nem todo motorista sabe por que o sistema de freios ABS é melhor do que o sistema de freios a disco convencional. Principalmente porque ainda é minori...


GPS – Como Não Ficar Perdido na Hora de Comp...
Além de frustrante é perigoso ficar perdido ou não saber o caminho para onde está indo. E para evitar problemas nada melhor do que utilizar um aparelh...

Assine Nossa Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba novidades em primeira mão!

Faça parte de Nossa Comunidade e junte-se a outros MILHARES de LEITORES do Blog Carros e Motos.

Publicado em Dicas.